:

Cooperação Cultural e Humanitária

A interação entre Belarus e o Brasil nas esferas humanitária e cultural está crescendo gradualmente, aproximando os povos dos dois países e contribuindo para o fortalecimento da cooperação bilateral.

Em outubro-dezembro de 2011 o Balê Nacional da República da Belarus fez uma tournée artística no estado de São Paulo. Os espetadores brasileiros receberam calorosamente o grupo artístico da Belarus.

Vários grupos teatrais do Brasil participam anualmente do evento internacional do teatro «Teatralny kuferak» (Jarra Teatral), organizado anualmente em Minsk.

De outubro a novembro de 2014, o primeiro festival de arte urbana belarusso-brasileira “Vúlica Brazil” foi realizado em Minsk. No âmbito do festival, grafiterios pintaram as paredes de vários edifícios em Minsk.

Em novembro e dezembro de 2014, foi organizada em Brasília uma exposição de selos belarussos.

Em dezembro de 2014, uma exposição de reproduções de pinturas do famoso artista belarusso Ivan Khrutsky foi realizada em Brasília.

Em março de 2015, uma série de concertos da Orquestra Presidencial da República de Belarus foi organizada no canal brasileiro “TV Supren”.

Em abril de 2015 o canal “TV Supren” mostrou uma mesa redonda com a participação de embaixadores da Arménia, de Belarus, do Cazaquistão e da Rússia sobre o tema “O 70º aniversário da vitória do povo soviético na Grande Guerra Patriótica e seu significado global.”

Em maio 2015 uma delegação de museu brasileiro e fundo de exposição “Memorial da América Latina” foi a Belarus, onde manteve conversas com o ministro da Cultura de Belarus, a Direcção do Museu Nacional de Arte e o Museu de História Nacional.

Em julho de 2015, com o apoio da Embaixada de Belarus no Brasil o famoso tenor brasileiro Thiago Aranka participou do Festival Internacional de Arte XXIV “Bazar Eslavo em Vitebsk” como membro do júri.

Em julho de 2015, a Embaixada de Belarus no Brasil organizou uma exposição de reproduções de pinturas do artista Ivan Hrútski no prédio da prefeitura de Goiânia (Estado de Goiás).

Em setembro de 2015, a Embaixada organizou na sede do Governo do Distrito Federal uma exposição de reproduções de pinturas de um artista belarusso, acompanhadas de uma exposição do tradicional traje nacional belarusso.

Em setembro de 2015, foi realizada a segunda etapa do projeto “Vúlica Brazil”, na qual famosos grafiteiros belarussos e brasileiros presentearam a Minsk seis novos grafites.

Em setembro de 2015, a Embaixada participou do projeto social do Governo de Brasília “Embaixada de Portas Abertas”, em que um grupo de estudantes visitaram a sede da missão diplomática belarussa.  Para diversão de alunos, foi organizada uma exposição de bonecas e livros de Belarus, além da mostra de filmes de animação belarussos com legendas em língua portuguesa. Todos os convidados receberam lembranças ​​sobre a visita à embaixada.

Em novembro de 2015, um documentário dirigido pelo brasileiro Walter Salles, “Jia Zhang-ke, um homem de Fenyang” participou no festival de cinema XXII Festival Internacional de Cinema “Listapad”  em Minsk.

Em abril de 2016, a Embaixada apoiou a ida de uma equipe de filmagem do canal  “ TV Globo” a Belarus, a fim de preparar uma reportagem, dedicada ao 30º aniversário do acidente de Chernobyl. O enredo no formato de duas edições do programa de TV “Fantasia” foi mostrado em abril e maio ​​de 2016.

Em 26 abril de 2016, a Embaixada organizou o evento para comemorar o 30º aniversário do acidente de Chernobyl, no qual os convidados assistiram a um documentário e se conheceram com outros materiais sobre o trabalho realizado na República de Belarus para superar as consequências do maior desastre provocado pelo homem.

Em maio-junho 2016 embaixador belarusso realizou várias palestras na Universidade Católica de Brasília e na Universidade Federal do Tocantins para promover o turismo, potencial científico, educacional e cultural da República de Belarus.

Em agosto de 2016, com o apoio da Embaixada foi realizada uma visita da liderança do Centro de Cultura Eslava (Rio de Janeiro) a Belarus, com vista a organizar cursos de línguas  em universidades belarussas para cidadãos brasileiros.

Em novembro de 2016, a Embaixada participou da 12ª Feira Internacional das Embaixadas com o stand da República de Belarus.

Em junho de 2017, o filme do diretor belarusso D.Mahomet “Vento sabe que estou em casa” fez parte do 19º Festival Internacional de Cinema e Vídeo “FICA-2017" na cidade de Goiás.

Em julho 2017,  pela primeira vez Belarus foi apresentado na exposição nacional do negócio de artesanato do Brasil ( “Fenearti”) em Olinda (Pernambuco).

Em setembro de 2017, a Embaixada organizou o lançamento de uma edição da revista “Embassy Brasilia”, dedicada ao potencial cultural e turístico da República de Belarus.

Em novembro de 2017, o Embaixador de Belarus participou do programa de televisão “Entre Amigos” no canal “TV Supren”, onde contou muito sobre a cultura, história e turismo na República de Belarus.

Em março de 2018, em nome da delegação belarussa, a Embaixada participou nos eventos do 8 Fórum Mundial da Água.

Em junho de 2018, a Embaixada abriu uma exposição permanente “O Cantinho da Cultura de Belarus” com uma série de objetos de artesanato.

Em agosto de 2018, na visita de trabalho ao Rio de Janeiro, o Embaixador de Belarus realizou uma transferência solene à Biblioteca Nacional do Brasil da edição fac-similar de obras de Francysk Skaryna, publicada em homenagem ao 500º aniversário da impressão gráfica belarussa. Foram transmitidas ainda para a Biblioteca Nacional do Brasil as propostas da Biblioteca Nacional de Belarus sobre a realização de eventos conjuntos, bem como o projeto de acordo de cooperação.

Em setembro de 2018, a Embaixada de Belarus organizou na sua sede uma aula de culinária de pratos da cozinha nacional belarussa para esposas de chefes de missões diplomáticas acreditadas no Brasil.

A Embaixada também participa de forma muito ativa em atividades do clube de esposas de chefes de missões diplomáticas, fazendo regularmente apresentações de obras da literatura belarussa.

Em 19 de setembro de 2019, no pavilhão “Espaço Panorama” (Brasília), aconteceu o evento cultural “Belarus ientre amigos”, preparado e organizado pela Embaixada da República de Belarus. Aos convidados foi feita uma apresentação do potencial turístico e cultural de Belarus, foi organizada a exposição de reproduções de pinturas de artistas belarussos e trajes nacionais. Como parte do trabalho de promoção das tradições e da cozinha belarussa, os estrangeiros conheceram a receita de preparação do prato nacional “panqueca”, seguida de uma degustação do mesmo. 

Em 2020 a Embaixada organizou eventos para promover a cultura belarussa e uma imagem positiva de Belarus a mídia brasileira, agências de viagens e blogueiros do país: a celebração do Maslenitsa e uma aula para fazer bonecos de amuletos nacionais. Foi apresentada aos convidados uma apresentação do potencial turístico de Belarus, bem como materiais em vídeo sobre as tradições, costumes e feriados do povo belarusso.

Belarusian Diplomatic Missions

All Missions Belarus' Foreign Ministry
Go to